(21) 3352-3665


Ouça pelo nosso aplicativo

FOTOJORNALISTA FAZ CAMPANHA NAS REDES SOCIAIS PARA ENCONTRAR HD COM ARQUIVOS FOTOGRÁFICOS ROUBADO NO BAIRRO DA GLÓRIA, NO DIA 30 DE SETEMBRO

06 OUT 2017
06 de Outubro de 2017

Segundo Rui Zilnet, o HD tinha registros de janeiro a setembro deste ano e fotos tiradas com a Tia Maria do Jongo distribuindo doces no Morro da Serrinha, em Madureira.

“Eu estou com o coração partido. Não pelo prejuízo material que eu tive. Esse assalto causou um dano a nossa cultura popular. A região de Madureira está sendo a mais prejudicada com esse assalto”. Foi assim, que o fotojornalista Rui Zilnet definiu a lamentável experiência vivida no dia 30 de setembro em plena luz do dia.

Zilnet caminhava com sua companheira pela Rua Cândido Mendes, na altura do número 581, na Glória, na Zona Sul do Rio, e por volta das 14:30 horas, foi abordado por dois homens armados numa moto. Na ação, os bandidos levaram duas mochilas com documentos e diversos equipamentos fotográficos de trabalho.

Após realizar boletim de ocorrência na 9ª Delegacia de Polícia, no Catete, Rui Zilnet iniciou uma peregrinação, fazendo campanha pelas redes sociais e com colaboração de colegas de profissão. 

Segundo Rui, os criminosos levaram todos os pertences do casal, incluindo sua câmera fotográfica e um HD externo onde estavam as imagens de diversas manifestações culturais. Na entrevista no Programa Manhã Carioca, na Bicuda FM, contou que no dia de São Cosme e Damião, 27 de outubro, subiu o Morro da Serrinha, em Madureira, com a Tia Maria do Jongo e fez inúmeros registros dela caminhando na comunidade, distribuindo doces às crianças na balaiada. Além dessas fotos, no HD roubado tem registros da Casa do Jongo da Serrinha, das rodas  de capoeira, das rodas de coco e muitos outros registro da cultura popular brasileira.

"Amigos fui vítima de um assalto a mão armada. (...) Faço um apelo aos amigos e colegas,  para que ajudem a viralizar a perda do HD, que contém imagens de grande importância para a preservação da memória de muitos grupos da Cultura Popular que atuam no Rio de Janeiro, na tentativa de recuperá-lo. As imagens editadas estão todas assinadas (com marca d'água) por mim”, escreveu Rui em seu perfil no Facebook.

Ouça a entrevista com Rui Zilnet na Bicuda FM

Ele fez um relato minucioso dos equipamentos roubados, mas sempre salientando da importância de reaver o HD.

“Me levaram duas mochilas com todos os documentos (identidade Fenaj, credencial Arfoc/Rio, CNH), cartões de bancos e transporte público, dinheiro, remédios de uso contínuo e frequente, uma camera fotográfica Nikon D7000 (Nº 6168709) com grip, uma lente AF-S DX 18/105mm/3,5-5,6 (Nº 34011632), um flash Nikon modelo SB-910 (Nº 2148308) e um HD WD Elements de 1Tb (Nº WXF1A276ZA6N), com todo o meu acervo produzido neste ano de 2017. A câmera é fácil ser reconhecida pelo estado de conservação, que demonstra muito uso.

FAÇO UM APELO AOS AMIGOS E COLEGAS para que ajudem a viralizar a perda do HD, que contém imagens de grande importância para a preservação da memória de muitos grupos da Cultura Popular que atuam no Rio de Janeiro, na tentativa de recuperá-lo. As imagens editadas estão todas assinadas (com marca d'água) por mim [Rui Zilnet]. SÃO IMAGENS AUTORAIS PRODUZIDAS SEM INTERESSE COMERCIAL, DE GRANDE IMPORTÂNCIA PARA A PRESERVAÇÃO DA MEMÓRIA DA CULTURA POPULAR.

Conto com o apoio de todos, na esperança de que conseguiremos encontrar este HD”.

Pedimos ajuda para conseguir principalmente esse HD. Você pode ligar para Bicuda FM para o número (21) 3352-3665 ou mandar uma mensagem para bicuda@bicuda.org.br . 

contador de visitas para site
Voltar

A Rádio que toca Cultura

Desenvolvido: Agência Bicuda   ZYU 204   Bicuda FM 98,7 MHz - Rio de Janeiro - Brasil - CNPJ: 02.763.172/0001-42    Insc. Municipal: 0468710-8

Rio de Janeiro - Brasil